FANDOM


Os Jardaan são uma misteriosa raça alienígena nativa do Aglomerado de Heleus da galáxia de Andrômeda. Eles são responsáveis por criar as máquinas chamadas de Relíquias e também os Angara.


BiologiaEditar

As proporções dos relicários e dispositivos encontrados sugerem uma espécie com traços físicos semelhantes aos humanos, mas sem evidência genética deixada para trás, sua aparência - junto com suas motivações - permanece um mistério.

HistóriaEditar

Os Jardaan eram uma raça altamente avançada que habitava no aglomerado de heleus por volta de 300-400 anos atrás, se os seus artefatos no Habitat 7 falassem por eles.

Um comentário de Drack enquanto explorava o relicário abandonado em Elaaden sugere que os Jardaan não vêm de Heleus.

Depois de algum tipo de conflito, séculos atrás, uma arma foi detonada em uma estação espacial Jardaan que fez o Miasma se espalhar por Heleus. Após este evento catastrófico, os Jardaans mandaram Meridian à deriva e depois deixaram o Aglomerado de Heleus, não retornando após isso.

CulturaEditar

Em nível cultural, sugere-se que o Jardaan deve ter sido inteligente e capaz de cooperação em larga escala. A tradução dos glifos em Khi Tasira revela que o idioma Jardaan se parece muito com o idioma angarano.

TecnologiaEditar

Nada até agora é certo sobre os construtores das relíquias, a não ser que sua tecnologia é várias vezes mais sofisticada do que a tecnologia da Iniciativa. Os Jardaans foram capazes de criar uma rede planetária interligada em todo o aglomerado, uma façanha de sua engenharia além da logística ou orçamento de qualquer espécie conhecida, exceto talvez os Protheans e Reapers. De acordo com a diretora Addison, a tecnologia das Relíquias é na verdade menos avançada do que a tecnologia prothean (embora se deva notar que Addison não está ciente de que os Reapers existem; assim, ela acredita que os mass relays e a cidadela são criações protheanas). Além disso, enquanto a tecnologia prothean era simplesmente plug-and-go, a tecnologia das relíquias "descreve-se de forma diferente". No entanto, apenas os requisitos de energia sugerem uma civilização Tipo II na escala de Kardashev.

Como os Protheans, os Jardaans parece ter atingido um nível de desenvolvimento tecnológico que eclipsa até mesmo os mais modernos dispositivos da Via Láctea. Como os artefatos protheanos, a tecnologia do trabalho das relíquias é relativamente rara e apesar dos esforços de vários cientistas e engenheiros, sabe-se muito pouco sobre como ela funciona. Alguns de seus dispositivos, como a rede do Relicários, são baseados em uma ciência tão avançada que nem mesmo IAs de última geração podem estimar exatamente como funciona. Apesar de sua sofisticação técnica, no entanto, grande parte da tecnologia deles parece ter semelhanças suficientes com a tecnologia convencional que um indivíduo adequadamente qualificado teria pouca dificuldade em operá-la.

A ativação da tecnologia das relíquias parece exigir uma síntese de uma mente orgânica e inteligência artificial.

NavegaçãoEditar